FOGO E ÁGUA

Feito de fogo e de água,

de seda, mel, labaredas,

isto me desce das faces

junto ao mais doce pranto,

algo que é Sangue, aurora...;

me escorre pelo pescoço

e me lava o peito, me redime,

purifica o coração, a alma.

Nisto sei encher as conchas

das mãos e então bebê-lo

para sorrir ébrio de perfume.

Isto desce do céu no Parto

do dia e das esperanças;

isto jorra de sobre os teus

ombros, tão alvos..., isto é

-- a essência das alianças.

Isto está em mim onde vá,

no que quer que eu ponha

as minhas mãos de âmbar,

o meu olhar brasino. Isto…,

que me veste de ouro e luz.

Não vou cabê-lo em palavra;

não, não o direi’m vão senão

como -- isto:

isto apenas. Que é em mim.

Igor Buys

29 de março de 2019

Kristiana Pelse

Postais em destaque
Postais recentes